Smart Care Seguros

Como fazer portabilidade plano de saúde individual para empresarial?

Se você quer saber como fazer a portabilidade plano de saúde individual para empresarial, pode ser que você já sabe das vantagens de um plano de saúde para empresas. 

Além do valor ser menos de 35% do que no individual, o plano de saúde empresarial também pode ter um prazo de carência diferenciado (dependendo do número de vidas).

Sem contar que é uma ótima forma de atrair novos talentos para o seu negócio. 

Uma vez que uma empresa com o benefício do plano de saúde atrai mais candidatos qualificados para as vagas abertas da sua empresa. 

Além disso, se você é microempreendedor individual você também pode fazer um plano de saúde empresarial e ter acesso aos principais benefícios desse serviço. 

Agora se você já tem um plano de saúde individual ou familiar e pretende mudar para um plano de saúde empresarial, você precisa entender:

O que é portabilidade de plano de saúde?

Portabilidade de plano de saúde é um procedimento em que o beneficiário solicita trocar de plano, seja na mesma operadora ou não. 

Além disso, ocorre sem a necessidade de cumprir de novo o período de carência.

No entanto, a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) estabelece algumas exigências que devem ser cumpridas para que a portabilidade seja aceita. 

Quem pode fazer a portabilidade de plano de saúde?

Desde 2019, a ANS permite que beneficiários de todas as modalidades de contratação possam solicitar a portabilidade de plano de saúde.

Além disso, os demitidos e aposentados também podem fazer a portabilidade sem precisar cumprir novos períodos de carência ao mudar de plano de saúde.

Como fazer a portabilidade de plano de saúde?

Para fazer a portabilidade do seu plano de saúde é preciso seguir este passo a passo:

  1. Veja se você cumpre todos os requisitos exigidos;
  2. Leve a documentação necessária para a operadora que deseja mudar;
  3. A operadora tem até 10 dias para responder. Mas caso não responda, a proposta é considerada aceita;
  4. Cancele o contrato com a sua antiga operadora (se for o caso).

Ou seja, se você vai mudar de uma operadora para outra. O cancelamento do seu plano atual só pode ser feito após ingressar em uma nova operadora. 

Qual é a documentação para portabilidade de plano de saúde?

Para iniciar você precisa dos seguintes comprovantes:

O que é preciso para fazer portabilidade de plano de saúde?

Para ter direito à portabilidade, é necessário:

Aliás, os planos de saúde empresarial permite mudar de um plano com tipo de cobertura maior que o de origem. Desde que as carências para as novas coberturas sejam cumpridas.

Já nos planos de pós-pagamento, modalidade exclusiva dos planos coletivos onde a quitação dos custos é feita após a utilização do serviço. Também não será exigida compatibilidade de preço, pois o custo desse produto não é fixo.

Além disso, também é necessário ter cumprido o prazo de permanência exigido no plano. 

Sendo assim, se for a primeira portabilidade, o beneficiário deve ter cumprido no mínimo dois anos no plano de origem ou três anos se tiver cumprido Cobertura Parcial Temporária (CPT). 

Agora se for da segunda em diante, o prazo mínimo é de um ano de permanência no plano de origem ou no mínimo dois anos.

Isso se o beneficiário mudar para um plano com coberturas que não estão previstas no plano de origem. 

Fique atento! Não há mais a janela, ou seja, a portabilidade pode ser feita a qualquer tempo, desde que cumpridos os prazos mínimos de permanência apresentados. 

Tutorial de Como Fazer Portabilidade de Plano de Saúde

Agora vou te mostrar como você pode fazer a portabilidade de plano de saúde com um vídeo institucional. Veja só:

O que fazer quando o pedido de portabilidade for aceito?

Depois que o pedido de portabilidade for aceito você deve entrar em contato com a sua operadora antiga para comunicar que houve a portabilidade de plano de saúde.

Lembre-se de pedir a sua carteirinha e demais documentos do novo plano também. 

O prazo para o novo plano entrar em vigor é de 10 dias depois que a proposta é aceita. Enquanto isso você ainda vai estar vinculado ao plano antigo. 

Por isso, é importante encerrar o contrato com o plano antigo apenas quando o novo entrar em vigor. Assim você evita as cobranças realizadas indevidamente.

E se a portabilidade não for aceita, o que fazer?

Se você verificou todos os requisitos que te mostrei antes e se encaixa nas opções apresentadas, entre em contato com a operadora para verificar o que ocorreu. 

No entanto, se não obtiver um retorno, a melhor forma de resolver a situação é entrar em contato com a ANS. 

Conclusão

Em resumo, no artigo de hoje te mostrei como fazer a portabilidade do plano de saúde individual para o empresarial. 

Antes de tudo, você viu o que é portabilidade de plano de saúde, quem pode fazer e como fazer a portabilidade.

Além disso, te mostrei também qual a documentação exigida, o que é preciso para garantir a portabilidade, o que fazer depois que o pedido for aceito e quando ele não for.

Tem mais alguma dúvida sobre esse assunto? Deixe um comentário! A nossa equipe está preparada para te ajudar! 

Conjuntivite: o que é, sintomas, tratamento e como se prevenir

Você sabe o que é conjuntivite? Muitas pessoas morrem de medo de ter esse problema ocular. Porém, esse diagnóstico pode Read more

Plano de saúde: 11 dúvidas mais comuns

Você já deve ter pensado nas dúvidas mais comuns sobre o plano de saúde, caso cogitou adquirir um, não é Read more

Para que serve o médico endocrinologista

Você sabe para que serve o médico endocrinologista? Vou te mostrar nesse artigo tudo o que você precisar sobre esse Read more

Operadora de plano de saúde: o que é e quais são as melhores opções

Para saber qual é a melhor operadora de plano de saúde, antes preciso te explicar alguns fatores importantes. Por isso Read more

Sair da versão mobile