Importância da saúde mental por que precisamos falar sobre isso

Importância da saúde mental: por que precisamos falar sobre isso?

Falar sobre a importância da saúde mental é extremamente necessário nos dias que estamos vivendo. 

Por muito tempo, a saúde mental foi negligenciada, mas hoje sabemos que ela é fundamental para o bem-estar de um indivíduo. 

Pensando nisso, no artigo de hoje trouxe para você os principais pontos sobre o assunto. Vamos lá?

O que é saúde mental?

A saúde mental é a soma do nosso bem-estar emocional, psicológico e social. Ou seja, envolve como pensamos, sentimos e agimos. 

Além disso, a saúde mental também está relacionada em como lidamos com o estresse, como nos relacionamos com os outros e como fazemos escolhas. 

Muitos fatores contribuem para problemas de saúde mental, incluindo:

  • Fatores biológicos, como genes ou química do cérebro
  • Experiências de vida, como trauma ou abuso
  • História familiar de problemas de saúde mental

Importância da saúde mental: sinais de alerta 

Os principais sinais de alerta para saber se a sua saúde mental está em risco são:

  • Comer ou dormir pouco;
  • Afastando-se das pessoas e atividades habituais;
  • Tendo pouca ou nenhuma energia;
  • Sentir-se entorpecido ou como se nada importasse;
  • Tendo dores e sofrimentos inexplicáveis;
  • Sentindo-se impotente ou sem esperança;
  • Fumar, beber ou usar drogas mais do que o normal;
  • Sentindo-se incomumente confuso, esquecido, tenso, com raiva, chateado, preocupado ou com medo;

Além disso, outras sintomas são:

  • Gritando ou brigando com a família e amigos;
  • Experimentando mudanças de humor severas que causam problemas nos relacionamentos;
  • Tendo pensamentos e memórias persistentes que você não consegue tirar da sua cabeça;
  • Ouvir vozes ou acreditar em coisas que não são verdadeiras;
  • Pensando em prejudicar a si mesmo ou aos outros;
  • Incapacidade de realizar tarefas diárias como cuidar de seus filhos ou ir para o trabalho ou escola;
  • Entre outros. 

Por que a saúde mental é importante?

A saúde mental é importante porque pode ajudá-lo a:

  • Lidar com o estresse da vida;
  • Ter bons relacionamentos;
  • Fazer contribuições significativas para a sua comunidade;
  • Trabalhar produtivamente;
  • Realizar todo o seu potencial.

Além disso, a sua saúde mental também é importante porque pode afetar sua saúde física. Por exemplo, distúrbios mentais podem aumentar o risco de problemas de saúde física, como derrame, diabetes tipo 2 e doenças cardíacas.

Sendo assim, em geral, a saúde mental positiva permite que as pessoas:

Sua saúde mental pode mudar com o tempo?

Sim, é importante lembrar que a saúde mental de uma pessoa pode mudar com o tempo, dependendo de muitos fatores. 

Quando as demandas feitas a uma pessoa excedem seus recursos e habilidades de enfrentamento, por exemplo, sua saúde mental pode ser afetada. 

O que causa a doença mental?

Não existe uma causa única para a doença mental. Vários fatores podem contribuir para o risco de doença mental, como, por exemplo:

  • Experiências adversas no início da vida, como trauma ou história de abuso (por exemplo, abuso infantil, agressão sexual, testemunhar violência, etc.);
  • Experiências relacionadas a outra condição médica contínua (crônica);
  • Fatores biológicos, como genes ou desequilíbrios químicos no cérebro;
  • Uso de álcool ou drogas recreativas;
  • Ter poucos amigos;
  • Solidão ou isolamento.

O que devo fazer se achar que tenho um problema de saúde mental?

Se você acha que pode ter um problema de saúde mental, peça ajuda. A psicoterapia e/ou medicamentos podem tratar transtornos mentais. 

Além disso, se você não sabe por onde começar, entre em contato com o seu plano de saúde e descubra qual o melhor profissional para te atender.

7 dicas para melhorar sua saúde mental

Agora que você já entendeu a importância da saúde mental, veja agora 7 dicas para a melhorar a sua saúde mental:

1) Acompanhe a gratidão e as realizações com um diário

Inclua 3 coisas pelas quais você era grato e 3 coisas que você conseguiu realizar a cada dia.

2) Prepare uma fuga

Para melhorar a sua saúde mental você pode sair para acampar com amigos ou uma viagem aos trópicos.

Além disso, o ato de planejar as férias e ter algo pelo qual ansiar pode aumentar sua felicidade geral por até 8 semanas!

 3) Trabalhe seus pontos fortes

Faça algo em que você seja bom para desenvolver autoconfiança e, em seguida, enfrente uma tarefa mais difícil. 

4) Mostre algum amor a alguém em sua vida

Relações íntimas, de qualidade, são fundamentais para uma vida feliz e saudável.

5) Às vezes, não precisamos adicionar novas atividades para obter mais prazer

Precisamos apenas absorver a alegria daqueles que já temos. Tentar ser otimista não significa ignorar os lados mais feios da vida. Significa apenas focar no positivo tanto quanto possível.

6) Saia da tela

Deixe seu smartphone em casa por um dia e desconecte-se de e-mails, alertas e outras interrupções constantes.

Ou seja, passe algum tempo fazendo algo divertido cara a cara com alguém.

7) Passe algum tempo com um amigo peludo

O tempo com os animais reduz o hormônio do estresse (cortisol) e aumenta a oxitocina (que estimula a sensação de felicidade).

No entanto, se você não tem um animal de estimação, saia com um amigo que tenha ou seja voluntário em um abrigo.

Quando é um bom momento para pedir ajuda?

Questões relacionadas à saúde mental podem afetar cada pessoa de uma maneira diferente. 

Se você começar a ver mudanças em sua felicidade geral e em seus relacionamentos, sempre haverá maneiras de obter o apoio que deseja. 

Aqui estão algumas maneiras de obter ajuda:

Conecte-se com outras pessoas, amigos e familiares

Alcançar e abrir-se para outras pessoas em sua vida pode ajudar a fornecer suporte emocional.

Saiba mais sobre saúde mental

Existem muitos recursos aos quais você pode recorrer para aprender mais sobre saúde emocional.

Faça uma avaliação de saúde mental

Uma avaliação pode ajudar a determinar se o estresse, a ansiedade ou a depressão podem estar afetando sua vida. 

Converse com um profissional

Se você começar a sentir que sua saúde emocional está começando a afetá-lo, pode ser hora de pedir apoio extra. Com um plano de saúde, você pode consultar um psicólogo ou psiquiatra e encontrar o suporte personalizado que deseja.

Aliás, se você ainda não tem um plano de saúde? Entre em contato com os especialistas da Smart Care, eles são a melhor opção para você ter um plano de saúde que se encaixe perfeitamente as suas necessidades.

Como realmente perder peso, de acordo com nutricionistas
Como realmente perder peso, de acordo com nutricionistas

Se você realmente quer perder peso, você precisa se consultar com um nutricionista. Os melhores profissionais fazem parte dos planos Read more

18 comportamentos para perda de peso saudável
18 comportamentos para perda de peso saudável

Ainda falando sobre perda de peso saudável, no artigo de hoje vou te mostrar 18 comportamentos para você emagrecer com Read more

Como emagrecer com saúde: veja agora se isso é possível
Como emagrecer com saúde veja agora se isso é possível

Uma das maiores preocupações do ser humano hoje é como emagrecer com saúde. Isso porque é natural encontrar uma dieta Read more

14 principais perguntas sobre escleroterapia
14 principais perguntas sobre escleroterapia

A escleroterapia é uma forma de tratamento em que o médico injeta um medicamento nos vasos sanguíneos ou linfáticos, fazendo Read more

Janeiro Branco Como você cuida da sua saúde mental

Janeiro Branco: Como você cuida da sua saúde mental?

Em tempos de pandemia, Janeiro Branco chega à 8.ª edição mobilizando a sociedade em prol de um grande pacto pela Saúde Mental ao longo do mês de janeiro de 2021.

Origem da Campanha Janeiro Branco

O Janeiro Branco é dedicado a colocar os temas da “Saúde Mental” em evidência na sociedade. Chamando a atenção dos indivíduos e das instituições sociais para os universos mentais, emocionais, sentimentais, comportamentais e subjetivos dos seres humanos.

Idealizada pelo psicólogo mineiro Leonardo Abrahão, a Campanha ganhou vida em Janeiro de 2014 quando psicólogos(as) de Uberlândia(MG) foram às ruas, às instituições e às mídias da cidade para falarem às pessoas sobre:

  • Saúde Mental
  • Saúde Emocional
  • Sentido de vida
  • Qualidade de vida
  • Harmonia nas relações humanas

Janeiro Branco 2021

A Campanha Janeiro Branco 2021 tem a sua importância redobrada e chega à sua 8.ª edição com uma missão fundamental em tempos de pandemia: inspirar indivíduos e instituições sociais a participarem de um grande pacto universal em defesa da Saúde Mental da humanidade.

Segundo Leonardo Abrahão, psicólogo idealizador da Campanha Janeiro Branco, “a humanidade precisa de um pacto pela Saúde Mental em que todas as pessoas se comprometam com a ideia de que ‘todo cuidado conta!’ quando o objetivo é a criação de condições para vidas mais saudáveis e melhores para todo mundo”.

Pandemia do COVID-19 agravou vários problemas relacionados à Saúde Mental

Estudos e pesquisas sobre os efeitos colaterais da pandemia do COVID-19 começaram a surgir e a mostrar os grandes desafios que a humanidade tem pela frente: além de vencer o novo Coronavírus, os indivíduos e as instituições sociais também deverão reunir esforços e desenvolver estratégias públicas e privadas para proteger, fortalecer e promover a Saúde Mental das pessoas.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a pandemia interrompeu serviços essenciais de Saúde Mental em 93% dos países do mundo e, ao mesmo tempo, intensificou a procura por esses mesmos serviços.

No Brasil — país que já é um dos recordistas mundiais em relação à depressão, à ansiedade e a números absolutos de suicídios —, a primeira fase de uma pesquisa realizada no final de 2020 pelo Ministério da Saúde
detectou ansiedade em 86,5% dos indivíduos pesquisados,
transtorno de estresse pós-traumático em 45,5% e depressão
grave em 16% dos participantes do estudo.

Outro estudo, realizado pela Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) com 12.000 pessoas de 33 países da América Latina e Caribe (30,8% eram brasileiros), revelou que 35% dos entrevistados relataram aumento na frequência do comportamento de beber de forma excessiva e em um curto período de tempo — situação que pode desencadear sérios problemas em relação à Saúde Mental dos envolvidos.

Além disso, também não faltam estudos sobre a ampliação das violências domésticas, do abuso infantil e do adoecimento emocional por parte de jovens e de idosos submetidos ao isolamento social.

Como afirma Abrahão, “2020 foi um ano de provas, de desafios e de revelações em relação à Saúde Mental de todas as pessoas do mundo”.

Janeiro Branco e o Plano de Saúde

No Brasil, em 2019, os beneficiários de planos de saúde realizaram cerca de 29 milhões de procedimentos relacionados ao cuidado em saúde mental – um crescimento de aproximadamente 167% em relação ao número realizado em 2011. Confira abaixo os dados extraídos do Mapa Assistencial da Saúde Suplementar

arquivo mapa assistencial

Esses dados demonstram a relevância de se ampliar o debate e as estratégias para enfrentamento desse panorama, sendo também um desafio para a saúde suplementar.

Fonte: Janeiro Branco e ANS
O que é escleroterapia: tudo o que você precisa saber sobre o tratamento
O que é escleroterapia tudo o que você precisa saber sobre o tratamento

Se você quer saber o que é escleroterapia, é provável que você esteja buscando esse tratamento para melhorar a sua Read more

10 maneiras de melhorar a saúde mental no trabalho
10 maneiras de melhorar a saúde mental no trabalho

A melhor forma de melhorar a saúde mental no trabalho é falando sobre o assunto. Não tem como fugir desse Read more

Saúde mental no trabalho: por que é importante falar sobre isso?
Saúde mental no trabalho por que é importante falar sobre isso

Saúde mental no trabalho já era um tema que precisava ganhar ampla discussão. Agora, devido ao momento que estamos vivendo, Read more

Como aumentar autoestima em 7 passos simples
Como aumentar autoestima em 7 passos simples

Saber como aumentar autoestima é essencial para você ter uma saúde mental saudável.  No entanto, nem sempre é uma tarefa Read more