Importância da saúde mental por que precisamos falar sobre isso

Importância da saúde mental: por que precisamos falar sobre isso?

Falar sobre a importância da saúde mental é extremamente necessário nos dias que estamos vivendo. 

Por muito tempo, a saúde mental foi negligenciada, mas hoje sabemos que ela é fundamental para o bem-estar de um indivíduo. 

Pensando nisso, no artigo de hoje trouxe para você os principais pontos sobre o assunto. Vamos lá?

O que é saúde mental?

A saúde mental é a soma do nosso bem-estar emocional, psicológico e social. Ou seja, envolve como pensamos, sentimos e agimos. 

Além disso, a saúde mental também está relacionada em como lidamos com o estresse, como nos relacionamos com os outros e como fazemos escolhas. 

Muitos fatores contribuem para problemas de saúde mental, incluindo:

  • Fatores biológicos, como genes ou química do cérebro
  • Experiências de vida, como trauma ou abuso
  • História familiar de problemas de saúde mental

Importância da saúde mental: sinais de alerta 

Os principais sinais de alerta para saber se a sua saúde mental está em risco são:

  • Comer ou dormir pouco;
  • Afastando-se das pessoas e atividades habituais;
  • Tendo pouca ou nenhuma energia;
  • Sentir-se entorpecido ou como se nada importasse;
  • Tendo dores e sofrimentos inexplicáveis;
  • Sentindo-se impotente ou sem esperança;
  • Fumar, beber ou usar drogas mais do que o normal;
  • Sentindo-se incomumente confuso, esquecido, tenso, com raiva, chateado, preocupado ou com medo;

Além disso, outras sintomas são:

  • Gritando ou brigando com a família e amigos;
  • Experimentando mudanças de humor severas que causam problemas nos relacionamentos;
  • Tendo pensamentos e memórias persistentes que você não consegue tirar da sua cabeça;
  • Ouvir vozes ou acreditar em coisas que não são verdadeiras;
  • Pensando em prejudicar a si mesmo ou aos outros;
  • Incapacidade de realizar tarefas diárias como cuidar de seus filhos ou ir para o trabalho ou escola;
  • Entre outros. 

Por que a saúde mental é importante?

A saúde mental é importante porque pode ajudá-lo a:

  • Lidar com o estresse da vida;
  • Ter bons relacionamentos;
  • Fazer contribuições significativas para a sua comunidade;
  • Trabalhar produtivamente;
  • Realizar todo o seu potencial.

Além disso, a sua saúde mental também é importante porque pode afetar sua saúde física. Por exemplo, distúrbios mentais podem aumentar o risco de problemas de saúde física, como derrame, diabetes tipo 2 e doenças cardíacas.

Sendo assim, em geral, a saúde mental positiva permite que as pessoas:

Sua saúde mental pode mudar com o tempo?

Sim, é importante lembrar que a saúde mental de uma pessoa pode mudar com o tempo, dependendo de muitos fatores. 

Quando as demandas feitas a uma pessoa excedem seus recursos e habilidades de enfrentamento, por exemplo, sua saúde mental pode ser afetada. 

O que causa a doença mental?

Não existe uma causa única para a doença mental. Vários fatores podem contribuir para o risco de doença mental, como, por exemplo:

  • Experiências adversas no início da vida, como trauma ou história de abuso (por exemplo, abuso infantil, agressão sexual, testemunhar violência, etc.);
  • Experiências relacionadas a outra condição médica contínua (crônica);
  • Fatores biológicos, como genes ou desequilíbrios químicos no cérebro;
  • Uso de álcool ou drogas recreativas;
  • Ter poucos amigos;
  • Solidão ou isolamento.

O que devo fazer se achar que tenho um problema de saúde mental?

Se você acha que pode ter um problema de saúde mental, peça ajuda. A psicoterapia e/ou medicamentos podem tratar transtornos mentais. 

Além disso, se você não sabe por onde começar, entre em contato com o seu plano de saúde e descubra qual o melhor profissional para te atender.

7 dicas para melhorar sua saúde mental

Agora que você já entendeu a importância da saúde mental, veja agora 7 dicas para a melhorar a sua saúde mental:

1) Acompanhe a gratidão e as realizações com um diário

Inclua 3 coisas pelas quais você era grato e 3 coisas que você conseguiu realizar a cada dia.

2) Prepare uma fuga

Para melhorar a sua saúde mental você pode sair para acampar com amigos ou uma viagem aos trópicos.

Além disso, o ato de planejar as férias e ter algo pelo qual ansiar pode aumentar sua felicidade geral por até 8 semanas!

 3) Trabalhe seus pontos fortes

Faça algo em que você seja bom para desenvolver autoconfiança e, em seguida, enfrente uma tarefa mais difícil. 

4) Mostre algum amor a alguém em sua vida

Relações íntimas, de qualidade, são fundamentais para uma vida feliz e saudável.

5) Às vezes, não precisamos adicionar novas atividades para obter mais prazer

Precisamos apenas absorver a alegria daqueles que já temos. Tentar ser otimista não significa ignorar os lados mais feios da vida. Significa apenas focar no positivo tanto quanto possível.

6) Saia da tela

Deixe seu smartphone em casa por um dia e desconecte-se de e-mails, alertas e outras interrupções constantes.

Ou seja, passe algum tempo fazendo algo divertido cara a cara com alguém.

7) Passe algum tempo com um amigo peludo

O tempo com os animais reduz o hormônio do estresse (cortisol) e aumenta a oxitocina (que estimula a sensação de felicidade).

No entanto, se você não tem um animal de estimação, saia com um amigo que tenha ou seja voluntário em um abrigo.

Quando é um bom momento para pedir ajuda?

Questões relacionadas à saúde mental podem afetar cada pessoa de uma maneira diferente. 

Se você começar a ver mudanças em sua felicidade geral e em seus relacionamentos, sempre haverá maneiras de obter o apoio que deseja. 

Aqui estão algumas maneiras de obter ajuda:

Conecte-se com outras pessoas, amigos e familiares

Alcançar e abrir-se para outras pessoas em sua vida pode ajudar a fornecer suporte emocional.

Saiba mais sobre saúde mental

Existem muitos recursos aos quais você pode recorrer para aprender mais sobre saúde emocional.

Faça uma avaliação de saúde mental

Uma avaliação pode ajudar a determinar se o estresse, a ansiedade ou a depressão podem estar afetando sua vida. 

Converse com um profissional

Se você começar a sentir que sua saúde emocional está começando a afetá-lo, pode ser hora de pedir apoio extra. Com um plano de saúde, você pode consultar um psicólogo ou psiquiatra e encontrar o suporte personalizado que deseja.

Aliás, se você ainda não tem um plano de saúde? Entre em contato com os especialistas da Smart Care, eles são a melhor opção para você ter um plano de saúde que se encaixe perfeitamente as suas necessidades.

Como realmente perder peso, de acordo com nutricionistas
Como realmente perder peso, de acordo com nutricionistas

Se você realmente quer perder peso, você precisa se consultar com um nutricionista. Os melhores profissionais fazem parte dos planos Read more

18 comportamentos para perda de peso saudável
18 comportamentos para perda de peso saudável

Ainda falando sobre perda de peso saudável, no artigo de hoje vou te mostrar 18 comportamentos para você emagrecer com Read more

Como emagrecer com saúde: veja agora se isso é possível
Como emagrecer com saúde veja agora se isso é possível

Uma das maiores preocupações do ser humano hoje é como emagrecer com saúde. Isso porque é natural encontrar uma dieta Read more

14 principais perguntas sobre escleroterapia
14 principais perguntas sobre escleroterapia

A escleroterapia é uma forma de tratamento em que o médico injeta um medicamento nos vasos sanguíneos ou linfáticos, fazendo Read more

Saúde mental no trabalho por que é importante falar sobre isso

Saúde mental no trabalho: por que é importante falar sobre isso?

Saúde mental no trabalho já era um tema que precisava ganhar ampla discussão. Agora, devido ao momento que estamos vivendo, é mais que essencial falar sobre esse assunto. 

Eu não sei se você conhece alguém que já teve a saúde mental comprometida por causa do trabalho, mas eu conheço diversos casos. Eu mesma já passei por isso.

E pode parecer algo simples de resolver, mas mesmo sofrendo algum abuso psicológico no trabalho é difícil largar mão dele. Pois, nos apegamos a carreira, as contas a pagar e até acreditamos que merecemos passar por tudo aquilo.

Pensando nisso, o nosso artigo de hoje é sobre a importância de abordar a saúde mental no trabalho. 

Mas antes disso, você sabe o que é um problema de saúde mental?

O que são problemas de saúde mental?

Todos nós temos momentos em que nos sentimos deprimidos, estressados ​​ou com medo.

Na maioria das vezes, esses sentimentos passam. No entanto, às vezes eles se transformam em um problema de saúde mental, como ansiedade ou depressão, que pode afetar nossa vida diária. 

Em geral, fatores como, por exemplo, pobreza, genética, trauma infantil ou discriminação aumentam a probabilidade de desenvolvermos problemas de saúde mental.

Só que esses fatos não são exclusivos, ou seja, os problemas de saúde mental podem acontecer com qualquer pessoa.

O fato é que diferentes problemas de saúde mental afetam as pessoas de maneiras diferentes. O diagnóstico não é uma forma definitiva de compreender a experiência de uma pessoa. 

Algumas pessoas com esquizofrenia, por exemplo, vivem vidas muito comuns, e algumas pessoas com ansiedade são mais afetadas por sua condição.

Por isso, é importante analisar cada caso em particular e procurar ajuda de um especialista para receber a melhor orientação de tratamento.

Como faço para reconhecer um problema de saúde mental?

Em geral, se tivermos desafios significativos em nossa vida doméstica ou profissional, é provável que isso tenha um impacto em nossa saúde mental.

No entanto, como regra, você deve procurar ajuda de seu médico se tiver sentimentos difíceis que estão:

  • Impedindo você de continuar com a vida,
  • Sendo um grande impacto nas pessoas com quem você vive ou trabalha;
  • Afetando seu humor ao longo de várias semanas;
  • Fazendo com que você tenha pensamentos suicidas.

No trabalho, por exemplo, você pode notar que está mais cansados ​​do que o normal. Pode cometer erros incomuns, ter dificuldade em ficar motivado ou pode ficar de mau humor. 

Outros sinais que a sua saúde mental no trabalho está sendo afetada é quando:

  • Parece ou se sente muito cansados ​​ou esgotados;
  • Se isola, evita colegas;
  • Fica muito tempo distraído;
  • Procrastina mais (ou para por completo); 
  • Fica muito acelerado; 
  • Assumi mais tarefas do que pode gerenciar;
  • Entre outros sintomas. 

Na maioria das vezes, esses primeiros sinais de alerta são difíceis de ver em nós mesmos e pode ser útil ter colegas que podem nos ajudar a conectar isso à nossa saúde mental.

Por que as pessoas não falam sobre saúde mental?

A conscientização sobre a saúde mental está aumentando. No entanto, ainda enfrentamos um mundo onde as pessoas com problemas de saúde mental enfrentam discriminação e podem enfrentar desafios para obter a ajuda de que precisam.

Aliás, muitas pessoas que passam por angústia tentam manter seus sentimentos ocultos porque têm medo das reações das outras pessoas. 

O medo da discriminação e os sentimentos de vergonha estão entre os principais motivos que as pessoas demoram para contar aos colegas sobre seus problemas de saúde mental. 

Por isso, quando criamos culturas no local de trabalho onde as pessoas podem ser elas mesmas, é mais fácil para as pessoas falarem sobre questões de saúde mental sem medo e buscarem ajuda quando precisam. 

Mesmo assim, a decisão de revelar sofrimento no trabalho não é algo que as pessoas considerem.

Por isso, é vital que os locais de trabalho se tornem ambientes onde as pessoas se sintam seguras para serem elas mesmas.

Por que a saúde mental no local de trabalho é importante

Muitas organizações ficam aquém no que diz respeito ao bem-estar dos funcionários. 

Embora seja ótimo que a maioria dos programas corporativos enfatize a saúde física por meio de benefícios como planos odontológicos e cobertura de medicamentos prescritos, o corpo é apenas metade da equação. 

Nosso cérebro também é crucial para o nosso bem-estar, em especial, quando consideramos os efeitos prejudiciais que a doença mental pode ter sobre a saúde física. Como, por exemplo, aumento da pressão arterial, desequilíbrios hormonais e aumento do risco de câncer.

Além disso, se os funcionários sentirem que podem falar sobre saúde mental, é menos provável que os problemas se desenvolvam. Isso pode levar a:

  • Menos tempo livre por um problema de saúde mental; 
  • Moral melhorado no local de trabalho.

Criação de um ambiente de apoio

É útil que os empregadores criem um ambiente onde os funcionários se sintam capazes de falar sobre saúde mental.

Por exemplo:

  • Tratar a saúde mental e física com a mesma importância;
  • Certificando-se de que os funcionários tenham encontros regulares com seus gerentes, para conversar sobre quaisquer problemas que estejam tendo;
  • Encorajando a saúde mental positiva, por exemplo, organizando treinamento de conscientização sobre saúde mental.

Um elemento importante para alcançar um local de trabalho saudável é o desenvolvimento de legislação, estratégias e políticas governamentais. 

Um local de trabalho saudável

Um local de trabalho saudável pode ser descrito como aquele em que trabalhadores e gerentes contribuem ativamente para o ambiente de trabalho, promovendo e protegendo a saúde, a segurança e o bem-estar de todos os funcionários. 

Com base nisso, um guia do Fórum Econômico Mundial destaca as etapas que as organizações podem realizar para criar um local de trabalho saudável, incluindo:

  • Conscientizar sobre o ambiente de trabalho e como ele pode ser adaptado para promover uma melhor saúde mental para diferentes colaboradores;
  • Aprendendo com as motivações dos líderes organizacionais e dos funcionários que agiram;
  • Não reinventar rodas por estar ciente que outras empresas que agiram fizeram;
  • Compreender as oportunidades e necessidades de funcionários individuais, ajudando a desenvolver melhores políticas para a saúde mental no local de trabalho;
  • Conscientização das fontes de apoio e onde as pessoas podem encontrar ajuda.

Além disso, as intervenções de saúde mental devem ser realizadas como parte de uma estratégia integrada de saúde e bem-estar que cobre a prevenção, identificação precoce, apoio e reabilitação. 

Os serviços ou profissionais de saúde ocupacional podem apoiar as organizações na implementação dessas intervenções onde estiverem disponíveis, mas mesmo quando não estão, uma série de mudanças podem ser feitas para proteger e promover a saúde mental. 

A chave para o sucesso é envolver as partes interessadas e o pessoal em todos os níveis ao fornecer proteção, promoção e intervenções de apoio e ao monitorar sua eficácia.

Fatores de risco relacionados ao trabalho para a saúde

Muitos são os fatores de risco para a saúde mental que podem estar presentes no ambiente de trabalho. 

A maioria dos riscos está relacionada às interações entre o tipo de trabalho, o ambiente organizacional e gerencial, as habilidades e competências dos funcionários e o suporte disponível para os funcionários realizarem seu trabalho. 

Por exemplo, uma pessoa pode ter as habilidades para completar tarefas, mas pode ter poucos recursos para fazer o que é necessário, ou pode haver práticas gerenciais, ou organizacionais que não o apoiem.

Dessa forma, os riscos para a saúde mental incluem:

  • Políticas inadequadas de saúde e segurança;
  • Más práticas de comunicação e gestão;
  • Participação limitada na tomada de decisões ou baixo controle sobre a área de trabalho de alguém;
  • Baixos níveis de suporte aos funcionários;
  • Jornada de trabalho inflexível; e
  • Tarefas ou objetivos organizacionais pouco claros.

Além disso, os riscos também podem estar relacionados ao conteúdo do trabalho, como tarefas inadequadas para as competências da pessoa ou uma carga de trabalho alta e implacável. 

Sem contar que alguns empregos podem acarretar um risco pessoal mais alto do que outros (por exemplo, socorristas e trabalhadores humanitários), o que pode ter um impacto na saúde mental e ser uma causa de sintomas de transtornos mentais.

O bullying e o assédio psicológico (também conhecido como “mobbing”) são causas comuns relatadas de estresse relacionado ao trabalho pelos trabalhadores e apresentam riscos à saúde dos trabalhadores. Eles estão associados a problemas psicológicos e físicos. 

Essas consequências para a saúde podem ter custos para os empregadores em termos de redução da produtividade e aumento da rotatividade de pessoal. Eles também podem ter um impacto negativo nas interações familiares e sociais.

Problemas de saúde mental afetam as empresas e seus funcionários

Problemas de saúde mental e estresse podem afetar de maneira negativa o funcionário como, por exemplo, no:

  • Desempenho e produtividade no trabalho;
  • Engajamento com o trabalho;
  • Comunicação com colegas de trabalho;
  • Capacidade física e funcionamento diário.
Qual o melhor plano de saúde do DF?
Qual o melhor plano de saúde do DF

Com a grande variedade de convênios médicos no Brasil, pode ser desafiador encontrar o melhor plano de saúde do DF. Read more

10 maneiras de melhorar a saúde mental no trabalho
10 maneiras de melhorar a saúde mental no trabalho

A melhor forma de melhorar a saúde mental no trabalho é falando sobre o assunto. Não tem como fugir desse Read more

Janeiro Branco: Como você cuida da sua saúde mental?
Janeiro Branco Como você cuida da sua saúde mental

Em tempos de pandemia, Janeiro Branco chega à 8.ª edição mobilizando a sociedade em prol de um grande pacto pela Read more

Como aumentar autoestima em 7 passos simples
Como aumentar autoestima em 7 passos simples

Saber como aumentar autoestima é essencial para você ter uma saúde mental saudável.  No entanto, nem sempre é uma tarefa Read more